Em quanto tempo ficarei fluente, teacher?

18/09/2017

De todas as perguntas que os alunos de Inglês fazem, essa é certamente uma das mais comuns. E a minha resposta SEMPRE será a mesma! DEPENDE.

Sim, depende milhares de fatores, desde a sua base cognitiva para o idioma, quanto aos seus hábitos diários de estilo de vida, do quanto você é curioso, do quanto sabe sobre o seu próprio idioma, do quanto pretende se dedicar, do fator afetivo, da sua motivação. Vish! tem tanto depende, que eu poderia passar o dia aqui escrevendo fatores decisivos para você adquirir ou não a tão sonhada fluência.

Entenda primeiramente o que é FLUÊNCIA. Ser fluente significa saber desempenhar bem e com agilidade uma atividade. Significa que você FLUI ao falar, não fica mentalmente traduzindo, ou dizendo é..ah.. uh…. entre todas as frases. Porém, saiba que existem também muitos alunos que já são bastante fluentes e não sabem disto, pois nunca têm a oportunidade de prática, ou não se testam para saber o quanto sabem (saiba mais lendo o POST). Ou simplesmente não praticam horas suficientes para que o seu pensamento FLUA em Inglês.

Entenda uma coisa primeiro. Você é um ser único e por isso aprende também de maneira única. Haverá métodos que servirão para você e outros que não e ponto final.

Não acredite em métodos milagrosos que dizem que você aprenderá inglês em 40 horas, ou em 60 dias.  O método de aprendizagem rápida visto no filme THE MATRIX ainda não existe, não se iluda! Fluência exige um tempo, para que seu cérebro sedimente a informação. Você terá que ver e rever muitas estruturas para realmente fixá-las. Você terá que esquecer de regras ou palavras, para que possa se lembrar delas. Você terá que ouvir muito até que possa falar. Você começará primeiramente entendendo muito mais do que consegue falar.  Esse foi o processo natural lembra? Primeiro você ouviu seus pais por 2 anos consecutivos, praticamente em silêncio para que você conseguisse articular suas primeiras palavras.

Qual método funciona, então?

TODOS, desde que ele funcione para você! Já vi métodos horríveis ( na minha concepção pessoal) funcionarem para alunos curiosos e dedicados, assim como também já vi métodos super eficazes e prazerosos falharem brutalmente para alunos desinteressados e preguiçosos. Tudo depende do aluno, do esforço, da vontade e da motivação. Então TESTE-SE. Começou um curso e não sente que está evoluindo MUDE!

Como posso ter uma previsão então?

  • Saiba de onde você está partindo e também exatamente o que está buscando. Responda a essas questões.
  • O que é fluência para você?
  • Quem você conhece que é fluente?
  • Já perguntou para essa pessoa o que ela fez?
  • Já sabe que sotaque quer copiar?
  • O que exatamente você quer fazer quando tiver Inglês Fluente? É para viajar? Morar fora? Negócios?

Como posso acelerar o processo, tia?

  • Envolva-se como o idioma como um todo, escute músicas, assista séries, assista filmes, ouça podcasts no idioma.
  • Seja curioso! Viu uma frase que nunca tinha visto antes, procure no Google, dicionário ou pergunte para alguém. Fique com as antenas ligadas, há oportunidades de aprendizado onde quer que você vá.
  • Vá além da sala de aula. Assista vídeo aulas no Youtube para complementar seus estudos e tirar aquela dúvida que restou na aula. Não espere para aprender.
  • Aprenda o que é relevante primeiro. Precisa de Inglês para viajar? Aprenda Inglês para Viagens. (Conheça o meu curso online) Precisa para negócios? Aprenda Business English. Para uma Proficiência? Aprofunde-se no idioma. (conheça minha plataforma de cursos online)
  • Comece escutando muito! E repita muito tudo que ouvir. Ouça uma, duas, três… vinte vezes o mesmo texto, música ou podcast.
  • Fale sozinho. Ninguém precisa saber que mentalmente você está formulando frases em Inglês. Você pode fazer isto no carro, no chuveiro, na academia, ou até durante aquela reunião chata no trabalho que ninguém está prestando atenção mesmo.
  • Venha passar um final de semana comigo! Vamos praticar ALL THE TIME em um hotel maravilhoso, com ambiente descontraído, sem livrinhos ou cansativos exercícios de DRILL!  (saiba mais sobre a imersão falando com a Tia)

      Fale com a Tia

 

 

 

 

 

Se este post te ajudou, ME AJUDE compartilhando!