É preciso falar inglês para fazer intercâmbio?

Morar por um tempo em outro país é uma experiência sem igual. É uma chance de descobrir mais sobre si mesmo, conquistar independência e amadurecer. E como se não bastasse todas essas vantagens, quem tem intercâmbio no currículo tem mais chances de ser admitido em um emprego, curso e várias outras oportunidades que exijam vivência em determinado idioma.
Além disso tudo, você ainda tem a chance conhecer novas culturas, de maneira que proporcione até mesmo desconstrução de pensamentos limitantes e aumentar seu leque de amigos, já que durante as aulas no intercâmbio, geralmente, pessoas de várias nacionalidades precisam conviver.

Com tantos benefícios assim, é difícil acreditar que tem gente que perde a chance de aprimorar os conhecimentos em uma língua e ver o mundo. Mas você acredita que tem? Muitas vezes, mesmo com tempo e dinheiro, entretanto, a oportunidade é perdida e muito disso é causado pela apreensão da falta de conhecimento no idioma.
Mas afinal, é preciso saber falar inglês para fazer um intercâmbio? Entenda tudo sobre isso no post de hoje.
H2 Inglês vs Intercâmbio
Se você pretende viajar para algum país que tenha como idioma oficial o inglês, como Canadá e Estados Unidos, não é recomendado sair do Brasil sem conhecimento básico. Parece puxação de sardinha para os professores de inglês, mas imagine só: acontece alguma coisa urgente ou um acidente e você não tem domínio sobre a língua, não conhece vocabulário, não sabe o que falar ou pra quem ligar… Imagina o caos!
Algumas pessoas sequer têm conhecimento no espanhol, então você não conseguirá dar aquela enrolada. Difícil, né?
Mas isso não quer dizer que você deva deixar um intercâmbio de lado por conta disso. Como te explicamos, a experiência serve para melhorar inúmeros aspectos da sua vida e vai muito além da questão educacional.

H2 Aulas de inglês antes do Intercâmbio
Pode parecer bobeira, mas quanto mais você souber no Brasil, melhor você poderá aproveitar a experiência. Sendo assim, a recomendação é contratar uma professora particular – online ou presencial – ou fazer cursos intensivos para ficar afiado.
Ter alguém a sua disposição durante toda a aula é uma boa, pois permite esclarecimento de dúvidas específica, além de possibilitar a conversação e você poderá pegar alguns macetes de quem tem total domínio do idioma. O curso intensivo, apesar de em grande parte das vezes ser feito em grupo, proporciona uma imersão e constância no contato com a língua que permite melhor fixação.
Qualquer uma das duas escolhas já fará uma grande diferença.
H3 “Realmente não posso aprender tudo durante o intercâmbio?
Antes de entrar no país, você deverá passar pela imigração e responder uma série de perguntas. Alguns agentes até falam espanhol, mas o diálogo pode sair bem confuso. Além disso, dependendo da quantidade de dias que for passar no intercâmbio e sua velocidade de aprendizagem, você não terá conhecimento o suficiente para agir em uma situação de emergência.

H2 Quais são as outras dicas para sobreviver no intercâmbio?
Conheça agora as principais dicas para quem quer passar um período de intercâmbio tranquilo e com mais proveito:
1. Faça uma preparação antes de embarcar, estudando sobre o país, costumes, leis do estado em que vai ficar e planeje experiências que quer ter;
2. Comprar dólar em casas de câmbio brasileiras de pouquinho em pouquinho te fará economizar e ter mais dinheiro para aproveitar na viagem, pois evita grande impacto da oscilação da moeda;
3. Confira se está levando todas as documentações necessárias para apresentar a imigração, a escola e aos responsáveis pelo local em que ficará hospedada; Alguns tipos de vistos exigem a tradução juramentada em inglês. Certifique-se
4. Revise todo o conteúdo depois de assistir às aulas;
5. Se jogue em todas as oportunidades de conversão com nativos;
6. Crie amizades com nativos ou com pessoas de outras nacionalidades que não falem português.
Agora se depois do período do intercâmbio bater a vontade de continuar no país, existem hoje diversos tipos de vistos americanos que podem viabilizar sua permanência legal no país.

Compartilhe este post

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Posts Relacionados

Substitutos para o Want

Hello guys , quando pensamos em expressar nosso desejo por algo em  inglês nós logo pensamos no “I want” ,...